Você provavelmente já ouviu falar do Programa Minha Casa Minha Vida 2019, não é mesmo?

Esse programa é uma iniciativa do governo federal e, desde que foi lançado, se tornou essencial a famílias de baixa renda. Sabe por quê? Pois, por meio dele, essas famílias têm a possibilidade de garantir a compra de um imóvel sem que as parcelas pesem no bolso.

Com um preço acessível e que cabe dentro do orçamento, várias famílias brasileiras se livram do aluguel e assim, conseguem realizar o grande sonho do imóvel próprio.

Publicidade

Mas como isso é possível? As condições maleáveis e atrativas do programa Minha Casa Minha Vida 2019 ao financiamento de moradias (habitações urbanas ou rurais) são possibilitadas por meio de parcerias com municípios, estados, empresas e entidades sem fins lucrativos.

Mas quais são os requisitos a fim de se beneficiar com o programa e escapar de vez do aluguel? Acompanhe a seguir!

Programa minha casa minha vida 2019
  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter

Programa Minha Casa Minha Vida 2019

Quais são os requisitos do Minha Casa Minha Vida 2019?

A fim de fazer parte do programa, o candidato precisa preencher alguns requisitos impostos pelo governo. Afim de não ter dúvidas, acompanhe abaixo quais são eles!

  • O candidato não pode ter casa própria, nem financiamento de imóvel em seu próprio nome.
  • O candidato não pode ser beneficiário ou ter sido beneficiado por nenhum outro programa governamental de habitação social.
  • Quem tem a intenção de utilizar o imóvel a fins comerciais não pode participar do financiamento.
  • Se você for autônomo e pretende se candidatar, é necessária a apresentação do carnê do INSS.
  • É preciso que o imóvel esteja localizado na mesma região de trabalho ou residência atual do candidato.
  • A renda mensal de quem pretende participar do programa deve ser de até R$7mil.
  • A comprovação de renda com carteira de trabalho e contracheque é necessária.
  • Inscrição ativa no Cadastro Único 2018 também é uma exigência.
  • O contratante não poderá realizar a venda do imóvel adquirido antes do término do financiamento.

Agora que você já sabe quais são os requisitos obrigatórios, você deve estar se perguntando quais são as famílias com perfil que se encaixe nas exigências e que, assim, podem participar do programa. Portanto, confira a seguir!

Quais famílias podem participar do MCMV 2019?

As modalidades do programa Minha Casa Minha Vida 2019 são:

Publicidade

  • As famílias com renda de até R$1.800 se encaixam na faixa 1 e podem adquirir o financiamento de até 120 meses, com mensalidades que variam entre R$80 a R$270, a depender da renda bruta familiar.
  • As famílias com renda de até R$2.600 têm a possibilidade de conseguir um imóvel novo com taxas de juros de 5% ao ano, com até 30 anos para quitação e subsídios de até R$47,5 mil.
  • As famílias com renda de até R$4 mil podem conseguir subsídios de até R$29mil.
  • As famílias com renda de até R$7 mil se beneficiam com taxas de juros diferenciadas se comparadas às taxas exorbitantes cobradas pelo mercado.

Viu só como há várias possibilidades de participação? E agora que você já sabe quais são os requisitos e as modalidades de participação no programa, é necessário compreender a forma de contratação do MCMV 2019. Vamos conferir no próximo tópico!

Ademais, veja aqui como conseguir subsídio no Programa Minha Casa Minha Vida!

Como contratar o Minha Casa Minha Vida 2019?

Tudo vai depender do perfil de renda familiar mensal, acompanhe:

  • As famílias com renda mensal menor do que R$1.800 devem se inscrever na prefeitura de sua cidade ou em uma entidade organizadora para que, assim, o processo de seleção seja iniciado.
  • As famílias com renda mensal de até R$7 mil, por sua vez, devem se dirigir a uma entidade organizadora ou optar por fazer um contrato diretamente com a Caixa Econômica Federal (CEF).

Logo após esse processo de abertura, as famílias que forem selecionadas a fim de participar do programa serão avaliadas pela CEF. E assim, posteriormente, comunicadas sobre as datas de sorteio das unidades disponíveis.

Caso ocorra a aprovação e validação do cadastro realizado, o contrato deve ser assinado para liberação do financiamento. Além disso, é importante, ainda, ficar atento a algumas observações:

  • Caso você opte por atendimento direto na agência ou no corresponder da CEF, o banco receberá e analisará a sua documentação.
  • Caso queira saber quando investir, basta entregar a documentação em um correspondente do banco ou em alguma das agências da Caixa.
  • Lembre-se de que a prestação concedida não pode ultrapassar os 30¢ de sua renda familiar mensal.
  • A renda familiar bruta deve ser de até R$7 mil, do contrário, não há possibilidade de participação no programa.
  • O imóvel concedido deve ser utilizado apenas para moradia, e não a fins comerciais.

Muito mais simples do que você imaginava, não é verdade? Em seguida, acompanhe os documentos necessários para o contrato de financiamento!

Documentos necessários ao contrato de financiamento

A fim de garantir que tudo dê certo no momento de emissão e assinatura do contrato, alguns documentos são exigidos. Sendo assim, o contemplado deverá comparecer à Caixa com os seguintes documentos:

  • Documento de identidade (RG).
  • Cadastro de Pessoa Física (CPF).
  • Carteira de Trabalho (CTPS).
  • Certidão de Nascimento.
  • Comprovante de estado civil.
  • Extrato atualizado do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).
  • Comprovante de renda.
  • Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Física do ano em vigor.
  • Extratos bancários (para autônomos).
  • Ficha de cadastro habitacional (deve ser realizada junto à prefeitura ou ao órgão responsável pelo sistema habitacional do município).

O programa MCMV 2019 é, de fato, uma excelente opção para famílias de baixa renda que querem se livrar do aluguel e realizar o sonho de uma casa própria, não é verdade?

Caso você tenha interesse em participar, é possível simular o financiamento do MCMV 2019 no site da Caixa Econômica Federal. A fim de acessar o simulador, basta entrar na página oficial do banco, preencher os campos necessários, seguir as orientações, sem pular nenhuma etapa, e aguardar o resultado da simulação. Muito fácil, não é mesmo?

Publicidade


Se você preenche os requisitos, se encaixa no perfil de participante e tem todos os documentos necessários para a emissão do contrato, não hesite! Realize seu sonho de conseguir seu imóvel próprio para morar! Faça seu cadastro no Minha Casa Minha Vida 2019 e seja dono da sua própria casa!

Além disso, veja também tudo sobre o Feirão da Caixa em 2019!

Minha Casa Minha Vida 2019
Deixe seu voto!

Pin It on Pinterest

Shares
Compartilhe...